quarta-feira, 17 de março de 2010

Santos nega salários atrasados de Robinho.

Quando contratou Robinho ao Manchester City (ING), o presidente Luis Álvaro Ribeiro afirmou que o Santos teria ajuda de parceiros para bancar os cerca de R$ 1 milhão mensais do atacante. Até agora, nada foi anunciado, mas o LANCENET! apurou dois prováveis cotistas deste montante recebido pelo Rei do Drible: Seara e Volkswagen.
A empresa do ramo alimentício, que já tem acordo pelas mangas no valor de R$ 4,2 milhões anuais e tenta migrar para o espaço principal do uniforme, peito e costas, pode explorar a imagem do craque com publicidades. A multinacional alemã também negocia acerto.
Coincidência ou não, a notícia vazou no dia em que foi cogitada a possibilidade de Robinho não ter viajado para Belém, onde o Santos enfrentará o Remo, porque está com salários atrasados.
Na segunda-feira, o clube alegou que Robinho havia sido cortado da viagem porque sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda.
O assessor de R7, Evandro Souza, nega o princípio de “greve”:
– Não tem nada disso. Está tudo em dia. Até este momento, 16 de março (ontem), posso garantir que o Santos está cumprindo com a sua obrigação. E o Robinho também.
Logo em seguida, Souza falou sobre o possível patrocínio.
– Uma pessoa do Santos me ligou, dizendo que a Seara quer patrocinar Robinho. Vou passar a situação para o jurídico da empresa do jogador e formalizar o contrato. Até quinta ou sexta-feira, deve ser anunciado oficialmente. Sobre a Volkswagen, não sei como estão as negociações com o clube – disse.
Integrante do departamento de marketing do Santos, Eduardo Musa afirma que o acerto com as duas empresas está perto de acontecer.
– Podem ser três ou quatro empresas (cotistas de Robinho). Depende de como cada empresa vai querer entrar. Eles (da Seara) estão perto. Existe uma negociação em andamento (Volkswagen), com a possibilidade de virarem cotistas – diz.
Com atraso de salários ou não, o fato é que Robinho não enfrentará o Remo, pela Copa do Brasil. Em compensação, o clube pode acertar com os patrocinadores dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário