quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Botafogo vence e ameniza crise após goleada:

Um time tenso, inseguro, reflexo imediato da goleada sofrida para o Vasco por 6 a 0, no último fim de semana. Em meio a um clima de cobrança e intranquilidade, o Botafogo amenizou a crise: venceu o Tigres por 2 a 1, nesta quarta-feira, em São Januário, pela quarta rodada da Taça Guanabara (primeiro turno do Campeonato Carioca). Joel Santana, o novo técnico da equipe alvinegra, assistiu ao jogo de uma tribuna.
A torcida do Botafogo aproveitou o reencontro com o time para protestar. Pendurou faixas com os dizeres "Vergonha na cara" e pediu a saída de alguns jogadores - entre eles o meia Lúcio Flávio - e do dirigente Anderson Barros. Tudo por causa da goleada para o Vasco.


Na última segunda, a diretoria demitiu o técnico Estevam Soares e contratou Joel Santana, que estava desempregado desde que deixou a seleção da África do Sul em outubro de 2009. O treinador não quis estrear nesta quarta. Deixou Jair Ventura, filho de Jairzinho, ídolo do clube nos anos 60 e 70, dirigir o time.

O Botafogo não fez um bom jogo. Joel Santana terá muito trabalhar para ajeitar o time - principalmente o sistema defensivo. O clube alvinegro fez 1 a 0 no primeiro tempo, com o atacante Herrera, o destaque da equipe nesse início de temporada. Ele foi contratado por empréstimo ao Grêmio e tem agradado.

Na etapa final, o Botafogo ampliou - gol do zagueiro Antônio Carlos, de cabeça - mas complicou o jogo com a expulsão do volante Leandro Guerreiro. A partir daí, o Tigres aumentou a pressão, diminuiu a vantagem alvinegra - Oziel marcou belo gol de falta -, mas não conseguiu o empate.

OUTROS JOGOS - Pelo Grupo A, foram duas partidas: Volta Redonda 3 x 0 Boavista e Olaria 2 x 0 Bangu. Pelo Grupo B: Madureira 2 x 1 Friburguense e América 2 x 2 Resende.(AE)


Nenhum comentário:

Postar um comentário